Serviços

Consulta de Homeopatia

A Homeopatia é uma área das ciências da saúde que estuda o ser humano como um todo, caso a caso, analisando a causa dos sintomas da doença e não a doença. É importante também conhecer a doença mas o fundamental é a causa. Significa que a aplicação do tratamento actua de forma a eliminar o problema pela “raiz” identificando a sua origem.

É uma especialidade médica em alguns países fazendo parte do sistema nacional de saúde, como é o caso da Alemanha, Brasil, França, Holanda, Reino Unido e Suíça.

História da Homeopatia

Hipócrates (460-350 A.C) o pai da Medicina escreveu “ao induzir sintomas semelhantes, uma doença é manifestada e através do medicamento semelhante, cura-se”. Este pensamento é um indicador para a ciência e um método aproximado da realidade dos nossos dias em que se baseia a prática da Homeopatia.

Samuel Hahnemann (1755-1843), médico alemão e pai da Homeopatia, reconheceu a pouca eficácia dos tratamentos terapêuticos da época e num dos seus trabalhos de tradução de livros, Matéria Médica de Willian Cullen, experimentou as propriedades curativas da planta Chinchona officinalis. Nesta iniciativa verificou sintomas, sinais e características semelhantes à doença da malária demonstrando o primeiro princípio da Homeopatia, a Lei da similitude.

Em Portugal a Homeopatia é uma profissão na área da saúde regulamentada pela Lei no 71/2013, de 2 de setembro, e a portaria no 181/2014, de 12 de setembro, que estabelece o acesso a uma cédula profissional para o exercício da profissão.
Princípios da Homeopatia

Lei similitude “o semelhante cura o semelhante”
Ao administrar um medicamento na pessoa saudável esta apresentará sinais e sintomas característicos da doença. Por outras palavras significa que quando prescrito o medicamento único, este ajudará o paciente a restabelecer a sua saúde.

Experimentação na pessoa saudável
Os medicamentos homeopáticos são testados apenas e somente em pessoas. São estas que conseguem transmitir por palavras o que sentem, de que forma, em que período do dia, da tarde ou noite, entre outras características e sinais observáveis.

Dose infinitesimal
Quanto mais diluído for o medicamento maior será o seu potencial terapêutico.

O medicamento único
Identificada a causa de uma enfermidade, o Homeopata prescreve um medicamento que reúna o maior números de sinais, características e sintomas observáveis e experienciados pelo paciente.
Atuação do medicamento homeopático

O Infarmed é a entidade responsável pela autorização de introdução no mercado nacional dos medicamentos de uso humano, pela supervisão, fiscalização no cumprimento dos requisitos de higiene, segurança, armazenamento e fabrico dos medicamentos homeopáticos. Os medicamentos estão disponíveis apenas em Farmácias e Parafarmácias.

Os medicamentos podem ser prescritos a bebés, crianças, gestantes, adultos e idosos. Estimulam os mecanismos de defesa do sistema imunitário actuando na origem da causa de um sintoma e não apresentam efeitos secundários. A sua aplicação é individual, caso a caso, ajudando o paciente a restabelecer o seu estado de saúde a nível: Mental, Emocional e Físico.

Por: Sérgio Gomes, Homeopata, artigo na revista DentalPro

Serviços

Sérgio Gomes - Clínica Médica do Porto - Homeopatia

Sérgio Gomes

Homeopata, Competência em Saúde da Mulher, Desporto e Saúde da Criança